Login

Esses 5 Mercados de Ações são os mais Voláteis

Adam Lienhard
Adam
Lienhard

Mercados voláteis apresentam oportunidades de investimento para aqueles capazes de compreender as causas subjacentes. Para ajudá-los a conduzir uma pesquisa abrangente, especialistas Headway compartilham a lista top five dos mais voláteis mercados de ações. Sua volatilidade pode ser influenciada por vários fatores, incluindo condições econômicas, instabilidade política e eventos específicos de de mercado. Saiba mais para poder negociar ações na Headway.

🇦🇷 Argentina

O mercado de ações argentino tem permanecido altamente instável devido adversos fatores, incluindo defaults de dívida pública e conflitos com credores. Esses problemas resultaram em fortes declínios do mercado de ações.

Ainda por cima, a Argentina tem uma história de instabilidade econômica, com altas taxas de inflação e inadimplência. O país passou por dificuldades para acessar os mercados internacionais de capital, levando a períodos de volatilidade no mercado de ações. Além disso, incertezas e mudanças políticas também podem contribuir para flutuações de mercado.

🇦🇪 Emirados Árabes Unidos

O mercado de ações dos EAU, particularmente o Mercado Financeiro de Dubai (DFM), tem uma história de experiências de flutuações significativas. Essas flutuações podem ser atribuídas a vários fatores, incluindo a natureza cíclica do mercado imobiliário, que testemunhou tanto booms quanto correções.

Não só, tendências de mercado global e sentimento de investidores relativamente a mercados emergentes podem afetar o mercado de ações dos EAU. O mercado imobiliário desta região sabidamente superaquece, o que também contribuiu com a volatilidade observada.

Headway NOVA: Invista no mercado imobiliário de Dubai a partir de U$50. Saiba mais →

🇬🇷 Grécia

Em anos recentes, a Grécia enfrentou desafios econômicos que resultaram numa crise de débito e na implementação de medidas de austeridade. Esses fatores causaram flutuações significativas no mercado de ações do país, levando a bailouts e outras medidas de austeridades. Consequentemente, a economia e o mercado de ações do país foram substancialmente afetados. Além disso, desenvolvimentos políticos, incluindo eleições e mudanças políticas, também podem contribuir para a volatilidade do mercado na Grécia.

🇧🇬 Bulgária

O quarto maior banco da Bulgária, o Corporate Commercial Bank, assistiu a uma corrida aos seus depósitos, forçando o governo a intervir e assumir o controle do banco. Esse evento teve um impacto significativo sobre a Bolsa de Valores Búlgara (BSE), que experienciou volatilidade aumentada.

O sector financeiro do país tem enfrentado desafios como corridas aos bancos e intervenção governamental em bancos em dificuldades, o que pode resultar na diminuição da confiança dos investidores e levar a uma maior volatilidade do mercado.

🇷🇺 Rússia

A Bolsa de Moscou (MOEX), representando o mercado de ações russo, passou por períodos de instabilidade devido a diversos fatores. A dinâmica do mercado foi influenciada por tensões geopolíticas, sanções econômicas impostas por países ocidentais, flutuações no preço do petróleo – já que a Rússia é um grande exportador de petróleo – e sentimento de investidor relativamente a mercados emergentes. Esses fatores contribuíram para a volatilidade do mercado russo.

Siga-nos nas redes sociais (Telegram, Instagram, Facebook) para receber as atualizações da Headway instantaneamente.